top of page

Corpus-christi em Itatiaia (+ Penedo + Aparecida)

O Parque Nacional (PARNA) de Itatiaia é mais um daqueles que tem que ser explorado. Com fácil acesso desde São Paulo tem inúmeras opções de passeios e aventuras, sem contar as cidades do seu entorno que merecem uma visita, mas aí vamos falar em outro post.


Vamos dividir em 3 partes. A parte baixa do PARNA, a parte alta e a região de Penedo. Cada parte merece um fim de semana (para as famílias mais aventureiras) ou feriados.


PARNA ITATIAIA - Parte baixa


Nós acabamos fazendo em um feriado de 4 dias, mas é totalmente factível em um fim de semana. Em um feriado é possível colocar Penedo no roteiro.


Para chegar em Itatiaia, são menos de 3h de São Paulo (saindo em horários estratégicos, sem trânsito em SP), por uma estrada ótima, a boa e velha Dutra. Então não há desculpa para paulistanos não conhecerem o Parna Itatiaia.


Nós alugamos uma casinha em Itatiaia incrível, na Reserva Religare e de lá era fácil entrar no parque e explorar. Também há opções de casas e pousadas dentro do parque.

Como ainda estávamos em pandemia as cachoeiras estavam restritas para banho então fizemos uma rápida trilha nas três principais cachoeiras e feito. Visitamos a parte baixa em meio dia, voltamos para o almoço em nossa casinha.


Existem outras cachoeiras para visitar na parte baixa, também vale passar pelo centro de visitação, nós evitamos pelo momento da pandemia.


PARTE ALTA - PARNA ITATIAIA


O acesso a parte alta se dá pelo município de Itamonte, já em Minas Gerais, e para chegar lá é só pegar a estrada direção Itamonte logo depois da divisa SP/RJ. As atrações na parte alta são para trilheiros mais aventureiros e para alcançar os maiores picos do país, entre eles o Agulhas Negras. Temos um post específico para nossa experiência na parte alta.



PENEDO e SERRINHA DO ALAMBARI


Em uma viagem de Carnaval cujo destino era o PARNA Serra da Bocaina, passamos um dia em Penedo e nos surpreendemos com àquela cidade que nunca havia nos despertado o interesse. A Finlândia brasileira, casa de verão do papai Noel era uma graça mesmo debaixo de chuva.


Era carnaval e as opções de hotéis limitadas, pois reservamos no mesmo dia, mas ainda assim ficamos num hotel que vale a recomendação, Hotel da Cachoeira, lá no booking. E realmente o hotel tinha uma cachoeira que entramos de cara, ignorando aquela água super gelada.

A noite fomos jantar no centrinho de Penedo e não parava de chover, o que fazia aquela cidade iluminada brilhar bastante.

No dia seguinte, dia de partir, demos sorte, o sol saiu e conseguimos curtir muito a cachoeira das três quedas, ali bem perto do Hotel, depois ainda subimos para visitar outra cachoeira, bonita, mas estava bem cheia.

Penedo tem diversas outras cachoeiras a explorar, mas tinhamos que partir.



Ali próximo a Penedo tem a Serrinha do Alambari que também possui cachoeiras interessantes e vale a visita. Nós não fomos mas colocamos na nossa lista.


Seguindo adiante pela estrada de Penedo rumo a MG, uns 45 minutos de estrada sinuosa chega-se a Visconde de Mauá e depois Maringá e Maromba, que também vale a visita seja numa esticada bate-volta de penedo (incluindo um jantar em Maringá) ou vale um fim de semana/feriado por lá, que foi o que fizemos e registramos em outro post.


A útima dica foi a parada que fizemos ao caminho de Penedo. Chovia muito e sabiamos que não iamos aproveitar cachoeira com chuva então resolvemos conhecer o impontente Santuário Religioso de Aparecida e o tão desejado teleférico que sempre passavamos por baixo no caminho para Angra e pediamos uma vez fazer o passeio, feito!






Mais sobre Itatiaia e a Mantiqueira neste post.


Confere os locais a visitar de Itatiaia em nosso mapa da Mantiqueira abaixo, para acionar a legenda clique no canto esquerdo superior do mapa.





Yorumlar


bottom of page